1/1

ENSAIO SOBRE O PATRIARCADO

DIREÇÃO DE MARIA TEREZA URIAS | TALITA ARAUJO

Longa-metragem

Em finalização

SINOPSE

Em breve.

DIRETORAS

MARIA TEREZA URIAS

Artista e Produtora de Cinema e de Teatro. Sócia da DESALAMBRAR FILMES | TEATRO e integrante dos coletivos Tela Suja Filmes, Novo Teatro em Ruínas e Companhia Antropofágica. Atualmente cursa Licenciatura em Artes Visuais. No Cinema, realizou a Produção Executiva e Direção de Produção dos longas-metragens PÃO E GENTE (2020) e SEM RAIZ (2017); dos curtas-metragens COICE NO PEITO (2014) e ENTRE NÓS, DINHEIRO (2012), de Renan Rovida; CAPITAL/INTERIOR (2016), de Danilo Dilettoso e Talita Araujo, filmes selecionados e premiados em festivais nacionais e internacionais como Festival de Havana, Festival Internacional do Uruguai, Cineuropa, Mostra de Cinema de Tiradentes, dentre outros; e dos projeto AS VEIAS ABERTAS DO CINEMA LATINO AMERICANO (2015) e TELA SUJA FILMES: ENSAIOS SOBRE O PATRIARCADO, A PROPRIEDADE PRIVADA E O CINEMA (2018/2019), projetos contemplados pelo ProAC de Ações de Fomento ao Audiovisual, que reuniram ações de formação, produção e exibição cinematográficas. Realizou também a produção do CONTRAPLANO (2013), programa de debate sobre cinema brasileiro e latino-americano para o SESCTV, pela Plateau Produções; de 2015 a 2018 a Direção de Produção do NÚCLEO CRIATIVO CEICINE (Prodav/Ancine); a Direção de Produção da série FANTASMAS DA CASA PRÓPRIA (2016), dirigida por Adirley Queirós e Cássio Oliveira (Prodav/Ancine de TVs Públicas); a Co-Produção Executiva do curta-metragem CARNEIRO DE OURO, dirigido por Dácia Ibiapina (2017), premiado como Melhor Direção e Prêmio do Público no 50º Festival de Brasília. Em 2019, trabalha como Produtora de Arte do longa-metragem VALENTINA, de Cássio Pereira, e como Coordenadora de Produção do 14º Festival de Cinema Latino-Americano de São Paulo. Atualmente realiza sua primeira direção cinematográfica, o documentário ENSAIO SOBRE O PATRIARCADO, co-dirigido com Talita Araujo, com estreia prevista para o segundo semestre de 2020. No Teatro, realizou a Direção de Produção de inúmeros projetos contemplados pelo Fomento ao Teatro para Cidade de São Paulo e pelo ProAC, com grupos como Companhia Antropofágica, Novo Teatro em Ruínas, Teatro Popular União e Olho Vivo, Teatro de Narradores, Cia Teatro Documentário, produzindo projetos de pesquisa, criação e temporadas teatrais, seminários e debates, oficinas, publicações de livros e revistas, artes integradas e festivais de artes. Produziu como últimos trabalhos as peças EMERGÊNCYA (2018), direção de Thiago Reis Vasconcelos, GRANIZO, O PÃO DE TRIGO ESCURECE O CÉU (2018), direção de Renan Rovida, e BOM RETIRO MEU AMOR ÓPERA SAMBA (2018), direção de César Vieira e Rogério Tarifa. Ao longo desse período, realizou também temporadas nos principais teatros da cidade de São Paulo, como o Teatro Anchieta do SESC Consolação, com as estreias das peças DESTERRADOS - UR EX DES MACHINE (2015), direção de Thiago Reis Vasconcelos com a Companhia Antropofágica (Programação Especial para Exposição Máquina Tadeusz Kantor), e do infantil NO LIVRO TUDO TEM (2016), direção de Carlos Escher. Realizou também a produção das três edições da FEIRA ANTROPOFÁGICA DE OPINIÃO com a Companhia Antropofágica.

TALITA ARAUJO

Atriz pela Fundação das Artes de S.C.Sul e historiadora pela FFLCH USP. Realizou os cursos específicos na área teatral pela Escola Livre de Teatro de Santo André: Dramaturgia, Experimentação Corporal, História do Teatro e Núcleo de Estudos do Teatro Contemporâneo. Através do nucleozonaautonoma, realizou circulação do espetáculo Trotsky – peça para televisores e não televisores, no qual partilha dramaturgia e direção com Marcio de Castro. O espetáculo foi contemplado pelo ProAC de Artes Integradas 2014 e PROAC Circulação 2015. Foi orientadora de teatro nos colégios Singular e Liceu, em Santo André entre 2016 e 2017. Integra o coletivo de cinema Tela Suja Filmes, através do qual dirigiu e roteirizou, em co-autoria com Danilo Dilettoso, o curta Capital/Interior, exibido na 20a Mostra de Cinema de Tiradentes. Roteirizou em co- autoria com Renan Rovida o longa-metragem “Sem Raiz”, exibido na 20a Mostra de Cinema de Tiradentes. Atuou no longa metragem "Filme de aborto" dirigido por Lincoln Péricles. Foi jurada do Festival “É Tudo verdade” em 2016 na categoria curtas brasileiros à convite da Associação Brasileira de Documentaristas de São Paulo. Dirigiu o curta “As mulheres pensam” exibido na II Feira Antropofágica de Opinião, na SEMANA REC e na Biblioteca de Arte de São Bernardo do Campo. Orienta o workshop “Como produzir vídeos curtos” pelo programa Territórios da cultura em Santo André. Em 2019 realizou junto a coletiva Pássaro com cabeça de mulher o projeto Cenas Centrífugas pelo Sesc Santo André. No mesmo ano participou como atriz de temporada do espetáculo "Agosto na cidade murada" de Salloma Salomão, dirigido por Jé Oliveira e Mariana Souto Mayor. Através do ProAC Artes Integradas participou do projeto "Granizo, o pão de trigo escurece o céu" e "Pão e gente" ambos dirigidos por Renan Rovida. Atualmente participa da gestão dos projetos "Ato na marcenaria" junto ao artista plástico Gustavo Lourenção, do espetáculo "Trampo sobre trampo" junto a atriz Thais Nogueira e finaliza o documentário que dirige, Ensaio sobre o Patriarcado, co-dirigido com Maria Tereza Urias.

FICHA TÉCNICA

com PATRÍCIA | THAÍS | TAINARA | RUTH 

Realização GOVERNO DO ESTADO DE SÃO PAULO, SECRETARIA DA CULTURA | COLETIVO TELA SUAJ FILMES | PLATEAU PRODUÇÕES | DESALAMBRAR FILMES
Direção MARIA TEREZA URIAS | TALITA ARAUJO
Produção MARIA TEREZA URIAS | RENAN ROVIDA | TALITA ARAUJO

Direção de Fotografia ÉRIKA BERALDO

Som Direto TALITA ARAUJO

Som Direto Adicional RENAN ROVIDA

Montagem RENAN ROVIDA

Correção de Cor ÉRIKA BERALDO

Edição de Som e Mixagem TALITA ARAUJO

Produção de Finalização MARIA TEREZA URIAS

REALIZAÇÃO

Governo do Estado de São Paulo

Secretaria da Cultura

ProAC

Coletivo Tela Suja Filmes

Plateau Produções

Desalambrar Filmes

2015 por DESALAMBRAR FILMES | TEATRO. Todos os direitos reservados.

  • Vimeo Desalambrar Filmes | Teatro
  • Facebook Desalambrar Filmes | Teatro
  • Instagram Desalambrar Filmes Teatro